O prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana, levou na tarde da última terça-feira, 13, uma comitiva sancristovense (formada por vereadores, marchantes, fateiras e parte da equipe administrativa do município) para conhecer o frigorífico, Frigo Serrano - Agroindustrial Ltda., localizado no povoado Ribeira, zona rural da cidade de Itabaiana. Na ocasião, o secretário especial de agricultura e meio ambiente de São Cristóvão, Carlos Tadeu Rosa e o assessor especial da prefeitura para assuntos parlamentares, Edson Fontes, acompanharam o grupo.

O Frigo Serrano será inaugurado no próximo dia 20 deste mês a estará à disposição para que criadores e pequenos feirantes dos municípios das regiões sul, centro sul e parte do agreste do estado possam usar suas dependências, mediante contrato. O empreendimento ocupa uma área de 82 mil m² e tem capacidade de abate de 600 bois por dia (abrangendo produção de 30 municípios).

“Estamos preocupados com a qualidade da carne comercializada em São Cristóvão. Assim, buscamos melhores condições para quem comercializa carne em nossa cidade, incluindo uma carne dentro dos padrões de higienização, além de baixo custo para o comerciante que vendo o produto. Com a rodovia que ligará São Cristóvão à Itabaiana, pelo povoado Aningas, teremos uma distância menor entre o abatedouro e os comerciantes. Além deste fato, o produto será de qualidade, inspecionado, refrigerado ou seja, teremos a garantia de que teremos carne que não fará mal algum ao consumo do sancristovense”, explicou o prefeito, Marcos Santana, que pontuou a presença dos vereadores e marchantes na comitiva. “Estamos fazendo a ponte entre eles e os equipamentos ofertados pelo frigorífico, que seguem todas as normas sanitárias para o abate e preservação da carne”, enfatizou.

Atualmente, os comerciantes de São Cristóvão, ligados ao comércio de carne, abatem seus animais na cidade de Lagarto (mais distante e mais dispendioso). “A visita da comitiva, principalmente por estarmos nas presenças de vereadores e dos marchantes e fateiras foi de extrema importância, uma vez que os vereadores legislarão sobre o assunto e os comerciantes estão na ponta da cadeia produtiva, são eles que levarão este produto diretamente para a população, porém, quem ganhará no final das contas será o povo de nossa cidade que consome carne, pois terá carne de melhor qualidade (e procedência). Um empreendimento como este, viabiliza as condições de diversos municípios, incluindo nossa cidade, pois atende uma vasta região que vai do médio sertão e do agreste”, disse Carlos Tadeu.

De acordo com o proprietário do Frigo Serrano, Moacir Souza, a visita serviu para esclarecer quaisquer dúvidas sobre o uso do empreendimento em prol do trabalho dos comerciantes de carne. “Apresentamos as instalações, pois só in loco eles teriam a dimensão do frigorífico. Temos o prazer de mostrar toda a estrutura, enfatizando que estamos cumprindo todas as exigências sanitárias. Trabalharemos com inspeção do início ao fim do abate, com presença de equipe veterinária e tramiteis de higienização para se ter acesso aos locais, permitindo qualidade se segurança”, informou. Segundo completou Diogo Teles, gerente do Frigo Serrano, a visita da comitiva significou a possibilidade de um intercâmbio entre os municípios. “O prefeito trouxe o pessoal para conhecer o que existe de mais atual no assunto abate de animal (caprinos, suínos, bovinos e ovinos). Desta forma, a comitiva tirou suas dúvidas sobre o uso do frigorífico, e a melhor forma de trabalhar a carne seguindo as exigências do Ministério da Agricultura, Adema e da Emdagro e demais normas reguladoras. A visita possibilitará que os marchantes e as fateiras (pequenos e grandes produtores) sancristovenses possam se tornar clientes do nosso frigorífico”.

Para o presidente da Câmara de Vereadores de São Cristóvão, Vanderlan Correia, a visita foi importante por trazer motivação aos marchantes (e fateiras) do município, no tocante ao uso do frigorífico. “Todos ficaram surpreendidos com o tamanho do local e ficaram satisfeitos, pois quem aderir, certamente, venderá carne de qualidade, dentro das normas. O prefeito está de parabéns pelo convite aberto e pela iniciativa de trazer a comitiva até Itabaiana para vermos pessoalmente o local”, enfatizou. Além de Vanderlan Correia, estiveram presentes os vereadores: Diego Prado, Tony da Academia, Leandro da Renovação, Rege do Rosa Maria, Irmão Gibson, Djalma Santana, Edson Pereira, Vanderlan Nego e Morgan Prado.

Público alvo. De acordo com o marchante, Edvaldo Vieira (mais conhecido como Kika), a iniciativa do prefeito em promover a comitiva foi construtiva no sentido de facilitar o conhecimento por parte da categoria. “A ideia de usarmos as dependências do frigorífico de Itabaiana certamente trará bons frutos para o comércio sancristovense. Pelo o que vi na visita teremos acesso a um local excelente para abatermos o gado e poderemos comercializar carne com mais qualidade, sem as tantas burocracias, o que contribuirá muito para nosso o nosso trabalho.”, frisou.

Emdagro. Em meados do mês de maio, o prefeito Marcos Santana esteve na Emdagro (acompanhado do secretário Carlos Tadeu), onde foi recebido pelo presidente da empresa, Jefferson Carvalho, e pela Diretora de Defesa Animal e Vegetal, Salete Dezén. Na oportunidade, o prefeito reivindicou a reabertura do escritório da empresa no município, comprometendo-se, inclusive, em viabilizar a estrutura necessária para tal, envolvendo um espaço adequado e equipado com computador e acesso à internet (o que facilitaria o atendimento aos agricultores sancristovenses). Marcos Santana também manifestou o seu interesse em realizar um estudo de viabilidade para a possível reativação de um matadouro em São Cristóvão, dentro das normas técnicas e sanitárias exigidas pela legislação. Na ocasião, os dirigentes da Emdagro informaram ao prefeito sobre a instalação do Frigo Serrano, como forma dos comerciantes terem um espaço adequado para o abate e conservação da carne, sem com isto onerar o município. A consequência desta primeira reunião foi a visita ocorrida na tarde de ontem.