O “Projeto Família” chega ao 24º encontro estimulando a integração entre pais e comunidade escolar. A atividade desta quarta-feira, 13, ocorreu na Escola Municipal Lauro Rocha de Andrade (no anexo da Educação Infantil que funciona no Lions Clube Serigy),  no Rosa Maria, Grande Rosa Elze. Segundo a coordenadora de Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação de São Cristóvão, Thallyta Aragão, a iniciativa tem mostrando resultados positivos,  trazendo avanços no processo educacional no município e na construção de uma gestão participativa.

“O objetivo do projeto é estreitar a relação entre a família e a rede escolar, despertando a participação dos envolvidos na educação e na formação das crianças, além de construir um momento diferente na educação sancristovense. Nos nossos encontros, discutimos a importância da relação entre pais e escola e os caminhos para que possamos avançar no aprendizado dos nossos alunos. Desde que iniciamos, no semestre passado, já conseguimos atingir em torno de 900 famílias, que estão debatendo e multiplicando a nossa proposta”, explicou Thallyta Aragão. 

Os encontros nas unidades de educação acontecem geralmente às quartas-feiras e reúnem docentes, familiares e equipes de apoio escolar, tendo na programação debates, atividades lúdicas e ações pedagógicas. O tema que vem sendo trabalhado é “Pais, a Escola Precisa de Vocês”, justamente para fortalecer o elo entre os atores sociais responsáveis pela formação infantil. 

Bons resultados
 
A diretora Josenalva Santos valorizou o projeto e disse ser a iniciativa fundamental para estimular a integração com os pais. “Tenho acompanhado o projeto e o considero maravilhoso. É muito bom falar para a família, e sobre o papel da família na escola ”, avaliou.  

Já a dona de casa Marilucia Aragão ressaltou a necessidade de que todos os pais acompanhem a vida escolar dos filhos. “Temos que ficar por dentro do que ocorre, as propostas, as dificuldades e como ajudar a superar os problemas”, analisou Aragão, que tem um filho, de 7 anos, estudando na unidade.

“Creio que o projeto trará ótimos resultados. Um tem que ajudar o outro, porque somos todos responsáveis para transmitir o melhor para os nossos pequenos ”, argumentou a manicure Givalda dos Santos, mãe de uma aluna da 1ª série do fundamental I. 

Fotos: Danielle Pereira 


Thallyta Aragão, coordenadora de Educação Infantil
Josenalva Santos, diretora
Marilucia Aragão, dona de casa
Givaldo dos Santos, manicure