Na manhã desta quinta-feira (19), os gestores das escolas e creches de São Cristóvão se reuniram no Centro Administrativo da Prefeitura Municipal, na sede, para debater sobre a administração das unidades nos aspectos estruturais e pedagógicos. O encontro faz parte de um projeto de formação continuada para a equipe gestora da rede escolar sancristovense.  

Segundo a diretora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Walléria Macário, são realizadas reuniões periódicas com o objetivo de aprofundar as discussões sobre a política educacional de São Cristóvão, além de definir encaminhamentos para avançar na administração das unidades. “Temos como proposta despertar a identidade de liderança em cada gestor, além de qualificar a gestão nas unidades. Além disso, a formação continuada fortalece os laços e permite a troca de experiência na solução dos problemas apresentados”, avaliou.

Para a diretora de Educação Básica, Deise Barroso, a iniciativa estimula e fortalece o processo de gestão participativa, criando possibilidades para enfrentar as dificuldades encontradas no dia a dia. “Já avançamos em vários aspectos estruturais, mas temos consciência de ainda temos muito a fazer para oferecer as condições adequadas à execução das atividades escolares. São obstáculos que vencemos diariamente, e encontros como estes nos permitem buscar caminhos conjuntos para enfrentar os desafios”, comentou.

Compartilhar experiências

Neste encontro, a metodologia trabalhada com os gestores foi a da “escuta empática”, na qual são apresentados os problemas, as causas internas e externas que levam à situação problematizada e os caminhos para solucioná-los. O processo foi conduzido pela coordenadora municipal de Educação Infantil, Jocélia Viana.

A iniciativa foi bem recebida pelos gestores. “A proposta é muito interessante, porque podemos compartilhar experiências. São ações que, com certeza, contribuem para atender às necessidades que surgem no dia a dia”, avaliou a diretora Eliana do Carmo, da Escola Municipal Terezita de Paula, no povoado Pedreiras.

Opinião que é compartilhada pelo diretor Antônio da Paixão, da Escola Municipal Araceles Rodrigues Correa, na sede: “A formação continuada é de grande importância, porque proporciona uma interação entre os gestores e também entre as unidades. Podemos aplicar o conhecimento que adquirimos na prática, avançando na gestão das nossas unidades”,  observou.  

Fotos: Márcio Garcez


Waléria Macário, diretora pedegógica
Deise Barroso, diretora de Atenção Básica
Eliana do Carmo, diretora
Antônio dos Santos, diretor