Ocorre nesta sexta-feira (15) a confirmação de matrícula dos selecionados para o projeto “Conectando com a vida”, uma parceria da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e do Trabalho, e do Instituto Luciano Barreto Júnior.  As inscrições para os moradores da sede aconteceram pela manhã, no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) São Cristóvão, no Centro Histórico do município. O processo continua à tarde para os moradores do Grande Rosa Elze, no CRAS Gilson Prado, no conjunto Eduardo Gomes.

Ao todos, serão beneficiados cem jovens e adolescentes, com idade entre 14 e 24 anos, que estejam frequentando regularmente a escola a partir do 6º ano. Segundo o coordenador municipal de Juventude, José Américo Costa (Mequinho), a proposta é ofertar possibilidade de formação para os sancristovenses, permitindo uma maior qualificação para o mercado de trabalho. “Além do acesso ao conhecimento, cursos como estes proporcionam a integração dos jovens entre eles e com o público externo”, avaliou.

A assistente social Ana Lucia Mendonça, do Instituto Luciano Barreto Júnior, explicou que atividade formativa tem duração de dez meses, dividida em quatro módulos, com as seguintes disciplinas: Português, Matemática, Informática Básica e Avançada e Cidadania e Trabalho. “Os estudantes ainda poderão participar de até duas oficinas, de maneira opcional, como complemento à formação. Esta parceria com a Prefeitura de São Cristóvão é muito importante, porque nos permite atingir um público maior, com outro perfil, não apenas o da capital”, argumentou. 

As aulas estão previstas para início de 2018. Ocorrerão no turno da noite, de segunda a quinta-feira, na sede do instituto, em Aracaju. O transporte será viabilizado pela Prefeitura.

Para a jovem Stefanny Mayara Santos, 18 anos, a formação será uma oportunidade de ampliar o conhecimento e se preparar melhor para o mercado de trabalho. “Estou bastante feliz por poder participar do curso e adquirir novos conhecimentos, especialmente, na área de informática, hoje um exigência em qualquer trabalho”, avaliou.

Fotos: Danielle Pereira




José Américo Costa (Mequinho), coordenador da Juventude
Ana Lucia Mendonça, assistente social
Stefanny Mayara Santos, estudante