Na manhã desta quarta-feira (24), professores do Instituto Federal de Sergipe (IFS) - Campus São Cristóvão encerraram as atividades do projeto “Acorde: Cantando Contra o Preconceito” reunindo na Escola Gina Franco os alunos do 9º ano e também os estudantes de outras instituições (São Cristóvão e Araceles Rodrigues Correa), todos confraternizando a conclusão de meses de atividades voltadas para a reflexão sobre o tema.

Segundo explicou a professora (que integra a equipe do IFS), Gleise Passos, desde abril de 2017 que os estudantes sancristovenses estão participando de oficinas e debates voltados para a reflexão sobre o preconceito racial. “Concluímos os trabalhos do projeto neste dia com diversas apresentações artísticas, sempre voltadas para o eixo temático. O projeto dialogou o preconceito através da literatura, do esporte e da música”, disse.

O resultado do projeto é sentido no cotidiano dos estudantes. De acordo com o jovem, William Santos, o “Acorde” foi excelente justamente por oportunizar o aprendizado sobre esse assunto tão complexo. “Já defendi pessoas que sofreram preconceito e aprendi a me defender também”, pontuou. Já Aline da Cruz Santos, frisou que os ensinamentos do projeto serão levados para a sua vida adulta. “Já conhecia alguns pontos abordados no projeto e considero importante a discussão. Com certeza guardarei isto pro resto de minha vida. O que levo do Acorde é que devemos amar e respeitar o próximo”, enfatizou.

Para a diretora do Gina Franco, Telvânia Maria da Silva, a vinda da equipe do IFS para as escolas do município deveria se tornar algo contínuo. “O assunto é importante e deve ser desenvolvido nas escolas, pois trabalha o preconceito sobre vários aspectos. São projetos assim que devemos ter em nossas escolas, trazendo mais conteúdo para nossos alunos”, finalizou.

A cerimônia de encerramento do “Acorde: Cantando Contra o Preconceito” contou com apresentações dos alunos da Rede Municipal que integram o programa Novo Mais Educação. Assim apresentaram-se: o Grupo Afro Ilê Axé, o grupo de capoeira A Hora é Essa e as crianças do grupo de dança Maculelê da Escola Frei Fernando.

Fotos: Danielle Pereira.


William Santos
Aline da Cruz Santos
Telvânia Maria da Silva